As escolas portuguesas mantêm-se cativas de labirintos burocráticos

Rumei a Portugal, para brincar com os meus netos e mitigar saudades de familiares, amigos e… da Ponte. Esperava algo diferente, pra melhor. No início de mais um ano letivo, visitei escolas, conversei com professores. O contraste com o Brasil é evidente. As escolas portuguesas mantêm-se cativas de labirintos burocráticos e os professores sobrevivem enredados em obsoletas práticas. O sistema educativo português continua tão decrépito como há cem anos. Entre operações de cosmética e quejandos, a cegueira branca não permite ver que algo vai mal no Reino da Dinamarca…

In “Algo vai mal no Reino da Dinamarca

Etiquetas: ,

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: